Brasil
Espanol
English

Quem Somos

Descon Formas Deslizantes

Fundada em 06 de julho de 1989 como Descon Construtora Ltda. Iniciamos nossas atividades construindo, Turn Key, Reservatórios de Água, com Formas Deslizantes com Conjuntos e Formas Trepantes, dos mais variados tipos, apoiados, elevados, em cálice, em todo o território brasileiro.

O nosso primeiro contrato como Prestadores de serviços de Formas Deslizantes com Conjuntos, em 1990, dada a grande experiência dos nossos fundadores, a Paranasa Engenharia Ltda. , contrata a Descon Construtora para o deslizamento de Silos na Cidade de São Gonçalo, Rio de Janeiro.

#

A convite da Construtora Norberto Odebrecht, em 1993, dando continuidade ao trabalho desenvolvido com Formas Deslizantes com Conjuntos, nas Hidrelétricas de Cachoeira Dourada e Samuel, temos o nosso primeiro contrato de Formas Deslizantes Com Treliças, na Usina Hidrelétricas de Corumbá I, em Caldas Novas Goiás.

Iniciamos assim o desenvolvido em larga escala, do sistema de Formas Deslizantes com Treliças, muito mais que um tipo de forma e um PROCESSO para execução da obra.

Com o surgimento de grande quantidade de PCH, a convite da Seta Engenharia, em 2006, iniciamos na PCH Esmeralda, a utilização de Formas Deslizantes com Treliças,

Como resultado, tanto na área de Usinas Hidrelétricas como Pequenas Centrais Hidrelétricas, seguiram-se ao longo estes 30 anos, 27 Usinas Hidrelétricas e 24 Pequenas Centrais hidrelétricas.

No Exterior, prestamos serviço, na República de Angola, na República Dominicana, na República Argentina, na República da Venezuela, exportando, Pioneirismo, Engenharia e Tecnologia Brasileira.

Dando continuidade ao nosso pioneirismo, em 2018, somos contratados pela Construtora Hidalgo e Hidalgo, da República do Equador, para fornecer Formas Deslizantes com Treliças, para Estação de tratamento de esgotos Las Eclusas.

O desafio: Nove tanques de baixa altura, cinco metros de altura, quatro diâmetros diferentes, desde 51,00 metros até 14,00 metros, somente uma forma facilmente ajustável na obra, prazo 6 meses.

Mais claro que qualquer explicação nossa, veja o link, publicado pela Hidalgo e Hidalgo

Voltar ao Topo